segunda-feira, 2 de abril de 2012

Não cabe muita gente no meu mundo. Não é porque a porta dele se encontre fechada ou não tenha espaço lá. Pelo contrário, ela está sempre aberta. O problema é que quem não é de verdade passa longe dele. Ou se tenta entrar, não aguenta o ritmo, e desiste. E ainda bem. Aposto mais na qualidade das pessoas, do que na quantidade.  Tenho poucos amigos, mas sei que posso contar sempre com eles. Não só para as futilidades da vida. Mas, para passar por tudo o que o que a vida nos traz. É melhor ter 1 amigo fiel, do que 50 passageiros, com os quais não posso sequer ser o que realmente sou.
Fico agradecida por te ter mana Su.... entraste no meu mundo no momento certo. E fazes a diferença.

Imelda Sitole - adaptado

2 comentários:

Porque um dia me perdi... disse...

Nao estivesse eu cheia de colicas e levantava-me para te ir dar um xi grande.

Adoro-te tantinho

Susanna Rush disse...

:))) Love you tantão